Pesquisa personalizada

Exercícios de Conjunções com Gabarito

Relacionados: , , ,
Concurso Anatel - Nível Médio R$4800

Resolva Exercícios de Português sobre Conjunções na Língua Portuguesa para Concurso Público e Vestibulares com Gabarito no Final da Página.

Conta-se que, um dia, Sócrates parou diante de uma tenda do mercado em que estavam expostas diversas mercadorias. Depois de algum tempo, ele exclamou: "Vejam quantas coisas o ateniense precisa para viver." Naturalmente ele queria dizer com isto que ele próprio não precisava de nada daquilo. Esta postura de Sócrates foi o ponto de partida para a filosofia cínica, fundada em Atenas por Antístenes - um discípulo de Sócrates, por volta de 400 a. C. Os cínicos diziam que a verdadeira felicidade não depende de fatores externos, como o luxo, o poder político e a boa saúde. Para eles, a verdadeira felicidade consistia em se libertar dessas coisas casuais e efêmeras. E justamente porque a felicidade não estava nessas coisas, ela podia ser alcançada por todos. E, uma vez alcançada, não podia mais ser perdida.
(Jostein Gaarden, O Mundo de Sofia. São Paulo, Cia. das Letras, 1995)

Atente-se ao emprego da conjunção

Exercício de conjunção 1. Assinale a alternativa que introduz, corretamente, de acordo com o sentido do texto, uma conjunção na frase: E, uma vez alcançada, não podia mais ser perdida.
a) E, por mais que alcançada, não podia mais ser perdida.
b) E, ainda que alcançada, não podia mais ser perdida.
c) E, quando alcançada, não podia mais ser perdida.
d) E, para que alcançada, não podia mais ser perdida.
e) E, nem alcançada, não podia mais ser perdida.

Usos dos Porquês e Atividade com Gabarito de Conjunção

Exercício sobre o Uso dos Porquês 2. Assinale a alternativa correta quanto à grafia da palavra porque.
a) Mas o futebol tem importância por quê? Você sabe o motivo por que o brasileiro ama futebol? Porque ele mexe com outras dimensões de nossa natureza.
b) Mas o futebol tem importância porque? Você sabe o motivo porque o brasileiro ama futebol? Porque ele mexe com outras dimensões de nossa natureza.
c) Mas o futebol tem importância por quê? Você sabe o motivo porque o brasileiro ama futebol? Por que ele mexe com outras dimensões de nossa natureza.
d) Mas o futebol tem importância por quê? Você sabe o motivo por que o brasileiro ama futebol? Por que ele mexe com outras dimensões de nossa natureza.
e) Mas o futebol tem importância por que? Você sabe o motivo porque o brasileiro ama futebol? Por que ele mexe com outras dimensões de nossa natureza.

Cursos de Inglês Gratuitos com Certificado
Vídeo Aulas para Concursos
Como Ser Aprovado em Concursos e Ganhar R$4000 reais por mês.


Exercício de conjunção 3. Assinale as afirmações abaixo com V (verdadeiro) ou F (falso), no que se refere ao emprego de nexos do texto.
( ) A substituição de Se por Caso, em Se você não está no Facebook e encontra aquele amor antigo da escola ali exige que os verbos dessas orações subordinadas sejam flexionados no modo subjuntivo.
( ) No trecho E agora que ela faz parte da vida de praticamente todo mundo há uma década, a conjunção E poderia ser substituída pela conjunção Mas, sem prejuízo do sentido original.
( ) A substituição de já que por por, em já que elas mostram num mapa onde os usuários estão a cada momento exigiria que o verbo mostrar fosse flexionado no infinitivo.
( ) para, em para protestar contra aquela mudança na configuração de privacidade poderia ser substituído por a fim de, sem prejuízo do sentido original.
A seqüência que preenche corretamente os parênteses, de cima para baixo, é
a) V - V - F - V.
b) F - F - V - F.
c) V - F - F - V.
d) V - F - V - V.
e) V - F - V - F.

Gabarito: 1.C 2.A 3.D

Exercícios resolvidos de conjunções coordenativa e subordinativa com gabarito para Vestibular, Concursos e ENEM

1. No período "Os banqueiros já puderam comemorar o investimento, pois o índice de risco e de instabilidade do Brasil caiu", a conjunção pois estabelece uma relação de:
a) explicação
b) oposição
c) condição
d) causa
e) comparação

2. Observe atentamente os segmentos ainda não contidos pelo estigma de improdutivos e ainda não constrangidos pela impaciência. No contexto, eles
a) expressam idéias que estão unicamente justapostas, sem nenhuma outra relação entre elas.
b) expressam, respectivamente, uma causa e uma conseqüência.
c) estão em relação de alternância.
d) expressam dois desejos, por isso estão associados como se estivessem unidos pela conjunção e.
e) expressam comparação entre dois fatos.

Gabarito: 1.A 2.B
Exercícios Resolvidos de Preposições para Concursos Públicos
Atividades de Complemento Nominal com Gabarito
Exercícios de Orações Coordenadas e Subordinadas com Gabarito
Cursos de Inglês Gratuitos com Certificado

Bate Papo

Envie Oi Torpedos